terça-feira, 7 de outubro de 2008

MAIS UM CRIME


A construção dos blocos 1,2,3,7,8,9,10,13,15, na Quinta da Nau foram licenciados com alvarás de construção falsos. A mesma empresa aparecia com seis números diferentes nos documentos da Câmara mas a cópia do alvará não aparecia. Um cidadão denunciou a manobra e o empreiteiro fugiu. Por outro lado o dono da obra, também ele sem alvará, continuou-a com um outro alvará falso com os números utilizados pelo empreiteiro como se fossem seus. As caves tem todas alterações ilegais.

Não sendo a nossa luta contra os construtores importa pois verificar do comportamento da autarquia nesta matéria, bem como apurar das responsabilidades e consequências. Em primeiro lugar como foi possível a autarquia licenciar uma obra sem verificar da autenticidade do alvará apresentado? Como é possível aparecer um construtor com seis números diferentes sem que a autarquia dê por isso? Qual deles é verdadeiro se é que algum deles o é? Qual o papel do serviço de fiscalização, tão lesto a multar alguém que esteja fazendo um simples reboco, e não detecta isto? Como é possível fazer alterações ilegais nas caves sem que ninguém dê por isso? Como foram emitidas, se é que o foram emitidas as licenças de habitabilidade? Foram passadas as vistorias necessárias? E que conclusões tiraram?

Não se podendo falar de corrupção, pois não se sabe se alguém pagou a quem, nem que valores, nem formas de pagamentos , se os houve, mas tendo em conta as irregularidades apontadas a situação é passível de configurar crimes tais como tráfico de influências e abuso de poder, sem os quais a obra não chegaria ao fim e muito menos obteria as licenças de habitabilidade. Também os cidadãos que ali compraram os apartamentos tem uma palavra a dizer, pois foram eles os mais penalizados com a conduta irresponsavél da autarquia, que permitiu que caíssem no conto do vigário.

O poder autárquico está cada vez mais enleado na teia de interesses ligados ao sector imobiliário sendo este apenas mais um dos muitos que temos para dar a conhecer ao POVO DE OLHÃO para que, em consciência, ajuízem quanto à valia deste Presidente

18 comentários:

Anónimo disse...

- A câmara de Olhão não é uma autarquia, mas sim uma "anarquia".
- De facto, perante estas e outras questões apresentadas e cujas conclusões ainda não se concluiram, que atitude a tomar?

Anónimo disse...

terá mesmo o olhão livre a busola avariada?
ainda há dias um comentador ,que se deu ao trabalho de ler o blog disse que havia alguém que comentava no olhão livre com a busola avariada,talvez esse comentador tabém tivesse a suas ideias confusas quando disse que os terrenos da zona industrial de marim só tinham uns entulhosinhos.e que a cota zero,em construção era ao nivel do mar .enganan-se a cota 0 em construçao é ao nivel da soleira dada pela empressa que faz a urbanização que no caso,da z.industrial foi a CMOlhão.mais lhe informo que houve firmas que compraram terrenos lá que gastaram vários milhares de euros para porem o terreno á cota zero.se tem duvidas informe-se ou passe por lá agora pois está neste momento a decorrer lá uma escavaçao que demonstra perfeitamente esta VERDADE.
com mais este facto é caso para dizer se não estão o serviço de hurbanismo mal governados?

Anónimo disse...

Que atitude tomar?
É óbvio.
RUA COM ESTA CAMBADA ASILADA NA CÂMARA!
Leal prá cadeia!

Anónimo disse...

mas era o leal o vereador do urbanismo,aquando essas situações aconteceram?
hoje sim ele é vereador das obras grandes e o marinho dos mercados das obras pequenas.
quem seria então esse vereador?teria a busola avariada ou não t
tinha óculos ?
o melhor mesmo é usar um sextante.
pois ainda pode a vir naufragar

Anónimo disse...

"Não sendo a nossa luta contra os construtores importa...".
Porquê a preocupação de afirmar que esta luta deixa os construtode fora? Serão anginhos? Serão santos?
Quando há corrupção, tráfico de influências, etc, funciona sempre para os dois lados, ou estarei enganado?
Será que no exemplo apontado, o construtor e o dono da obra serão gente acima de qualquer suspeita? Pelo que escrevem, não me parece.

"menino dos 4 olhos"

Vítor Matias disse...

Se o que é apresentado aqui é verdade, de duas uma:
1 - Estas situações resultam da existência de corrupção.Alguém recebeu benesses para fechar os olhos.
2 - Isto aconteceu por incompetência dos Serviços Técnicos e os políticos têm que responder por isso. Mas é muita incompetência junta!

É urgente que os responsáveis autarquicos, rapidamente venham esclarecer publicamente estas situações.
Vítor Matias

rc disse...

Os responsáveis autárquicos são:
CEGOS, SURDOS E MUDOS.
Não vêem, não ouvem, não falam.
São incapazes de ter consciência do estado em que estão a deixar Olhão. Estão claramente comprometidos.
Limitam-se a adiar, sempre, para um dia destes o expediente diário.
A edilidade está ao Deus dará, não tem o mínimo de perspectivas de trabalho anda completamente ao sabôr das marés(das pequenas), está completamente paralizada.
A situação da actual edilidade, de Olhão, é muito grave, os munícipes tem mesmo de acordar.
Só uma denúncia com ampla divulgação junto de todos os munícipes em todo o concelho, para além dos utilizadores da net, poderá despertar o descontentamento latente e as energias para a renovação da administração na Câmara de Olhão

Anónimo disse...

patos bravos é o que não faltam no secor da construção em olhão ,na quinta das ancoôras há casas em que as placas parece,que estão prenhas.

Compadre Alentejano disse...

Peço desculpa por só hoje ter visto este v/post.´Tratando-se de um assunto qur interessa ao comum dos cidadãos, vou publicar no Papa Açordas, para uma maior divulgação a nível da blogosfera.
Para a frente com o movimento de cidadãos! Ganhar a Câmara, está ao v/alcance!
Um abraço
Compadre Alentejano

Anónimo disse...

compadre alentejano pense bem, para ganhar a CMO,éra preciso gente com tomates,que não tivessem medo das futuras represálias.só para sua informação um pequeno empresário mas com um empressa sólida ganha obras em tudo o que é autarquias no algarve,todas essas obras foram ganhas por concurso,e sem cunhas.sabe qual foi a unica autarquia numca lhe foi adjudicada uma obra?foi olhão ,e porquê ?porque em tempos logo após o 25 de abril esse empresário era militante de um partido de esquerda em olhão,que fazia oposição ao ps .por isso ele ficou na lista negra.pois se têmpreços para as restantes autarquias do algarve ,só para a de olhão não tinha?

Anónimo disse...

Será que alguém pode informar-me se o Eng. Leal poderá candidatar-se às próximas eleições autarquicas, ou se esta limitado pela aplicação da nova lei que limita os mandatos?

Tem avonde disse...

Mó, o Xico ainda se pode candidatar a um último mandato.

Tem avonde

Anónimo disse...

a lei ,que se fazem é só para os cidadões comuns vejam o caso dos computadores magalhães em que a empressa que concorreu têm milhres de dividas ao fisco.quando a lei diz que todas as empressas para concorrer têm de apresentar uma declaração em como não devem nada ao estado.
por isso desenganem-se elchiquito vai mesmo candidatar-se,para depois passar o cargo ao delfim pina jr,pois a zanga das latas de conservas já acabou.

Anónimo disse...

ahahahaahahahahaha!!

deitem-se ridiculos!

Anónimo disse...

voltou o sr,do ridiculo,talvez tenha algum apartamentozinho,lá não?????
ridiculo são aqueles que perdem tempo a ver o que os ridiculos dizem.

Anónimo disse...

para informação aos autores e leitores do olhãolivre.
li o vosso artigo sobre as condições da doca de olhão,que estava uma lástima, eque parecia que tinha sido bombardeada.tudo aquilo que vocês disseram nessa noticia,é mais que verdade,mas só quem passa lá e trabalha no sector da pesca é que se apercebedo estado lastimável e do estrago que provoca nas viaturas.
venho agora avisar que alguém teve vergonha, pelos estragos que a vossa denuncia provocou,e hoje começaram a limpar a doca do mato que se encontrva , e atapar timidamente alguma das crateras no asfalto.
isso de haver denuncias afinal é bom contunuem não se deixem intimidar.

Anónimo disse...

o moço pina devia saber ,pois ele quando vai carregar as ostrinhas passa pela doca ,ou não me diga deixa o carro cá fora?devia ter informado o boss do estado lastimável da doca,já agora informe lá que o segoto da doca ,continua a despejar merda,bom mas se calhar isso é bom para as ameijôas(como já disse um comentador que veio aqui em defesa do xico leal),como eu sei que ele o moço pina não quer que as ostras continuem a morrer veja lá se sobra algum dinheiro do pólis para acabar,com os esgotos da doca e já agora o o T.pedir isso ao xico leal não adianta pois o negócio dele é outro BICo de obra.

Anónimo disse...

os espanhois que vem vender peixe á doca de olhão dizem que nem em marrocos encontram um doca tão desleixada.
mas é normal o negócio do presidente é favorecer amigos na consrução,e na aprovação de loteamentos em tudo o que são terrenos agricolas,e onde os antigos propriétarios nada podiam fazer, a não ser plantar couves.
a vergonha está ai.