segunda-feira, 7 de setembro de 2009

NEM TANTO AO MAR, NEM TANTO À TERRA...

O pessoal do 31 da armada por vezes carrega um bocadinho no acelerador. Vejam o video que está no blog deles:


Que o homem é prepotente, autoritário e com uma costela salazarista, nós sabemos mas daí até compará-lo a Hitler...

35 comentários:

Anónimo disse...

a qualidade deste blog tá a crescer a pique...

Anónimo disse...

De facto a qualidade deste blog está a crescer v^-se logo pelos comentários sobre o leal,só faz esses comentários quem perdeu o respeito pelas instituiçoês e porquem as representa por isso peço respeito por quem tanto tem feito por OLHÃO.

ol disse...

O Leal pode merecer todo o seu respeito mas pela parte que nos toca não merece contemplações. Politicamente é uma nulidade e assim será tradado...

Anónimo disse...

dia 10 é inaugurada a unidade de saude tratamentos continuados gerida pela ACASO

Anónimo disse...

Lá estas tu ol a dar liçoês de democracia mas já sabemos que democracia é defendida aqui neste blog por isso nós estaremos sempre em campos opostos porque eu sei agradecer a quem me ajudou em tempos dificies da minha vida ao contrario de ti que nunca agradeces a quem te fez tanto bem mas de mal agradecidos esta o inferno cheio isto se tu fores quem eu penso se não fores ficas já avisado porque quem se mete com o ps leva este já é um ditado antigo

ol disse...

Nunca pedi nada a Francisco Leal, não lhe devo o que quer que seja, não estou cá para lhe prestar vassalagem. Se vos incomoda o que pensamos dele porque não vão ao blog do P"S"? Lá é que é o vosso lugar...
Pois a ACASO e o "polvo" socialista no seu melhor estilo. Será que também vai haver alguma promessa de aumentos de ordenados na ordem dos 10%?

Anónimo disse...

Ao comentador das 14.21 devemos lembrar-lhe que Francisco Leal já é conhecido de há muitos anos. Antes era uma pessoa humilde, simples, que falava com toda a gente. Agora o poder corrompeu-lhe a mente, tornou-se arrogante, distante e convencido que domina tudo e todos. Ainda bem que os blogs apareceram para denunciá-lo. O resto são ameaças que não levam a lado algum. Já Coelhone dizia que quem se metia com o PS levava, mas correm o risco de perder e nem tão cedo apanhar a cadeira do poder. Leal segue-lhe as pisadas e esteja atento pois as eleições autarquicas dirão do futuro deste pequeno ditador. De momento têm cinco mandatos e muito provavelmente perderão a maioria absoluta senão mesmo a Camara. Que virá dizer nessa altura?

Donax Trunculus disse...

Para Srº Anónimo 15.04.
Supostamente pelo que li no seu comentário, não gosta de levar lições de democracia, e tenta alinhar nisso os que repudiam os favorecimentos do cacique cá da terra.
Toda a vida ouvi dizer "quem não deve não teme " e os que não temem nem devem estão de consciência tranquila para denunciar o cacicato a que parte da sociedade Olhanense está sujeita.
A consciência não tem preço,embora alguns a hipotequem!

Marreco disse...

Novas provas
Freeport: polícia inglesa confirma pagamento de “luvas”

08.09.2009 - 11h25 PÚBLICO
As autoridades inglesas têm provas que confirmam o pagamento de “luvas” no âmbito do licenciamento do outlet de Alcochete, noticia a edição de hoje do “Correio da Manhã”. Tendo em conta as novas informações, o jornal afirma ainda que o ex-presidente do Instituto da Conservação da Natureza, Carlos Guerra, não vai ser o único arguido no processo Freeport a ter de explicar os cerca de 200 mil euros depositados numa das suas contas.

Isto porque a investigação que está a ser conduzida em Londres descobriu vários depósitos em contas abertas em paraísos fiscais britânicos que envolvem alguns dos suspeitos já constituídos arguidos em Portugal. Há também três novas figuras, cujos nomes não são avançados. De acordo com o mesmo jornal, assim que a polícia inglesa enviar as novas provas que agregou ao processo, as autoridades portuguesas deverão constituir mais dois ou três arguidos.

Os depósitos foram alegadamente feitos por Charles Smith, representante da Freeport em Portugal e sócio da consultora Smith & Pedro, contratada para licenciar a superfície comercial de Alcochete. Uma informação a que os procuradores do Ministério Público Paes Faria e Vítor Magalhães terão tido acesso quando há mais de quatro meses estiveram a trabalhar em Londres com a polícia daquele país.

Entretanto, no final de Agosto, a Polícia Judiciária recebeu uma nova carta anónima onde o autor garantia que a investigação estava a seguir o primo errado de José Sócrates e que deveria ouvir antes José Paulo Bernardo Pinto de Sousa. O nome deste primo foi também avançado na última sexta-feira pela TVI (o primeiro sem Manuela Moura Guedes) como sendo supostamente “o gordo” referido em alguns emails sobre pagamentos de “luvas”. Contudo, a PJ considerou já a denúncia infundada pelo que não deverá ouvir o primo do actual primeiro-ministro.

Suspensão da investigação?

Recorde-se, ainda, que ontem o procurador-geral da República afirmou que "dentro de dias" será conhecida a resposta sobre a eventual suspensão da investigação do caso Freeport, após o arguido Carlos Guerra ter pedido o afastamento dos magistrados que conduzem o inquérito. Fonte ligada ao Ministério Público disse que o incidente suscitado por Carlos Guerra será decidido pelo superior hierárquico daqueles magistrados, ou seja, pela directora do Departamento Central de Investigação e Acção Penal, Cândida Almeida.

O ex-presidente do Instituto da Conservação da Natureza Carlos Guerra, arguido no caso Freeport, entregou na PGR um pedido de afastamento dos magistrados do Ministério Público que conduzem a investigação.

Carlos Guerra foi constituído arguido no caso Freeport em Junho passado por suspeitas do crime de corrupção passiva para acto ilícito, tendo comparecido em finais de Julho perante o juiz Carlos Alexandre, do Tribunal Central de Instrução Criminal. O processo Freeport tem ainda como arguidos Charles Smith, Manuel Pedro, Eduardo Capinha Lopes, José Manuel Marques, José Dias Inocêncio e João Cabral. O processo relativo ao Freeport de Alcochete envolve alegadas suspeitas de corrupção e tráfico de influências no licenciamento daquele centro comercial, em 2002, quando o actual primeiro-ministro, José Sócrates, era ministro do Ambiente.

Luísinho disse...

Segundo o 'Correio da Manhã'
Britânicos confirmam "luvas" no caso Freeport
Hoje

Os investigadores britânicos têm provas que confirmam o pagamento de “luvas” no âmbito do licenciamento do outlet de Alcochete, avança hoje o jornal “Correio da Manhã”.







As autoridades inglesas descobriram depósitos em várias contas abertas em paraísos fiscais britânicos que implicam outros suspeitos já constituídos arguidos, além de Carlos Guerra, facto que poderá aumentar a lista dos arguidos.

Segundo o "Correio da Manhã" serão constituídos arguidos mais dois ou três suspeitos com intervenção no processo administrativo do centro comercial assim que a polícia inglesa envie a documentação bancária pretendida pela investigação portuguesa.

A informação sobre o depósito foi recolhida na viagem feita há mais de quatro meses pelos procuradores Vítor Magalhães e Paes Faria a Londres. Escreve o "Correio da Manhã" que nessa viagem foram detectados levantamentos em contas tituladas por Charles Smith e depósitos feitos por este, no mesmo dia, em contas de pessoas ligadas ao caso Freeport.

Sobre José Sócrates ou seus familiares não foram encontrados movimentos suspeitos. Entretanto, uma carta anónima enviada para a Polícia Judiciária de Setúbal no dia 28 de Agosto veio lançar suspeitas sobre Paulo Bernardo Pinto de Sousa, primo do primeiro ministro.

O documento afirmava que este teria recebido “luvas”. Porém, os factos não sustentam a missiva, diz a PJ. O processo nada refere a este respeito, o que levou o director nacional da Polícia Judiciária, Almeida Rodrigues, a retirar credibilidade à carta anónima.

Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Anónimo disse...

OL porque será que nutres tanto ódio contra o leal? será que ouve da parte dele alguma promesa não cumprida?ou será que algo se passou entre vós e que seria bom que todos nós soubesse-mes.Pela minha parte nunca pedi nada ao leal dizes tu mas afinal se nunca nimguem lhe pediu favores como é possível vocês dizerem que há caciaquimo? explica lá isso Ol.

Anónimo disse...

Para o senhor marreco tenho que lhe dizer que afinal tambem descobriram que o leal tem depósitos feitos nos paraisos fiscais na ilha da fuzeta, deixem-se de tretas e vamos falar sobre olhao porque aqui o que nos interessa é o olhao

Anónimo disse...

será que depois de inaugurado esse centro de cuidados continuados ,vão tirar as camas como fizeram algures no norte do país?
e como fizeram com os magalhães numa escola que deram e depois tiraram?

Anónimo disse...

votem no mr só para o castanheira não dizer que os do mr não eram de olhão ,como se ele não tivesse vindo à reboleta do barreiro até olhão

ol disse...

Atenção que isto não é um blog de propaganda do governo e futuramente esse tipo de comentário não será publicado. Estiveram quatro anos no poder, diminuiram o poder de compra das pessoas, tiraram condições aos reformados na assistência medicamentosa. Agora, que estão aflitos vem para aqui com propaganda. Não enganam ninguém. Gastaram uma fortuna na biblioteca que, aí sim, devia ter sido criada a unidade de cuidados continuados, mas tinham preferência por ali, para fazerem o vergonhoso "concurso" que fizeram. Se o Leal é assim tão democrata porque não respondeu às questões do SO!?
Não estamos à venda! Não compramos votos com a promessa de aumentos de ordenado como vocês o fazem. Não somos candidatos a coisa alguma e assim pretendemos manter-nos. Não somos lambe-botas como vocês. Essa, a grande diferença. Vocês vão ao beija-mão, nós não. Estamos esclarecidos?

Anónimo disse...

e os vereadores usam e abusam das coisa da CMO o j.p foi apanhado de noite, com o camião da CMO a derrubar laranjeiras da horta do pai da presidente da junta de freguesia de olhão,e a levar para a lixeira clandestina da CMO ao pé do cemitério de quelfes.quantas vezes não teriam feito o mesmo diz-se á boca cheia que um filho de um determinado prof que foi autarca e agora é candidato também usou e abusou das viaturas da CMO quando estava a fazer a sua vivenda.

Anónimo disse...

Este OL se foss presidente da camara devia cá ser um trolitero milvezes pior do que acusa o FLeal, é pior que o Hitler a censurar comentários que não são do seu agrado. E ameaça com bombas quem vier aqui e não lhe dê razão.

ol disse...

À medida que as eleições se vão aproximando vocês estão a ficar nervosos. Quem disse que se alguém se metesse com o P"S", apanhava, foi o vosso padrinho Jorge Coelho, da Mota Engil, que ganha tudo o que é concurso. Como é que vocês acreditem na vossa cantiga?
Propaganda vossa é que não e por isso não publicamos

Anónimo disse...

Parece-me que o ol está mas é a dar trela a esse socialista que ésó um lacaio do leal,ol faz o teu trabalho e não entres nessa.Gostava de dizer ao joão mateus quec estou solid+ario com ele o que o leal lhe fez não se faz nem a um cão quanto mais a um homen com H

DONAX TRUNCULUS disse...

Assim é que é OL ! Respeitinho,
vão fazer propaganda para outro lado, nem tanto ao mar, nem tanto Leal.

Anónimo disse...

Será verdade que o psd esteve representado no sábado na apresentação das listas do ps na maragota? e digam -me quem foi o representante da realeza?já agora digam -me quem é aquele mandatário porque eu ouvi dizer que ninguem o viu dentro do fato.

Anónimo disse...

afinal este blog é mais frequentado por ps que do resto dos partidos.pelo menos vai à frente na votasção que já sabem que a ão perder.
o leal podia era comrar o blog até ás eleições,já que não conseguem fazer um

Marreco disse...

A persiguição á impressa por parte do PS

Aqui com o botão direito do rato e escolha abbrir numa janela nova

mano telete disse...

a cedu vai perder estas eleiç~es pois o cacique castanheira proibiu os apoiantes da cdu de consultarem o vosso blog.
haja saude

cacique disse...

leal deu ordens a toda a concelhia do ps temos de ganhar as eleições no olhaom livre.a todo o custo.
e esta heim?
será que a cdu vai ficar em ultimo ? e o psd aqueles que acreditam no pai natal,será que não vão dar ordens de votar no ol?
o janica do b.e. já consultou o loução pra ver se o bloco tem interrese em ganhar as sondagens todas ou se é melhor não ir a jogo.
o gamboa e o caló é que mesmo sem dizerem nada lá vão arrecadando uns votos,pró mr.

abundacia disse...

mas o j.valério não ficou atrás e deu ordens ao mulhrerame do b.e.(60%0) para irem ao olhão livre votar em força,pois ele quer ser o presidente virtual.
no dia da contagem dos votitos logo se verá.
o castanheira é que se matêm na sua posição firme e acacicada,votos no olhão livre não assim como comentário do um ser no blog da cdu também não pois aquilo é um blog decente,tão decente que ninguém vai lá.

Anónimo disse...

Deixem-se de tretas e toca a votar todos no abúndio porque senão o professor alberto ainda vai ter que o pôr na rua para que possa ser vereador e assim ajudar o leal ater maioria não é verdade ol?

Cozido à Portuguesa disse...

Sócrates ganhou, mas...



Quando vejo o poder a queixar-se da imprensa verifico depois que, normalmente, esse poder perde as eleições seguintes. Há sempre uma dose de cegueira nos políticos a quem as coisas estão a correr mal, e é sempre mais fácil culpar os ‘safados dos jornalistas’. Com Sócrates, tal como com muitos outros antes dele, a história é a mesma. À medida que a impopularidade contra si ia crescendo, por causa das suas políticas, e que iam saindo notícias sobre questões de carácter que o atingiam – o curso na Independente, o Freeport – o primeiro-ministro e o seu círculo político mais chegado iam desenvolvendo uma crescente antipatia pela imprensa em geral, ‘diabolizando-a’ e culpando-a de todos os males.A cegueira começou aí. Mas não se ficou por aí.

No congresso do PS, dirigentes importantes, como António Costa e o próprio Sócrates, definiram como grandes inimigos do Governo o jornal ‘Público’ e a TVI. Ora, quando o poder nomeia um inimigo em público, está na verdade a fazer uma declaração de guerra. Para Sócrates, tanto Moniz como Manuela Moura Guedes, mas também José Manuel Fernandes, director do ‘Público’, foram eleitos como alvos a abater.

Mais tarde, Sócrates chegou mesmo a um momento impensável, que foi o de, em entrevista à RTP, ter atacado com violência o programa de Moura Guedes, marcando-o com um ferrete. Qualquer discussão sobre o tema ficou inquinada desde essa data. A partir daí, ou se era a favor da ‘Manuela’ ou contra. O poder de Sócrates definira as regras do jogo perversamente.

Do outro lado, a resposta foi à letra. Querem guerra, vão ter guerra, foi a mensagem de Moniz e Manuela, uma resposta em que eles obviamente se colocavam como defensores da liberdade de expressão e do jornalismo independente, mas que na prática era uma declaração de guerra de sinal contrário.

A guerra tornou-se suja, e não podia haver prisioneiros. Era até à morte, e qualquer acontecimento posterior – tentativa de compra da PT, saída de Moniz para a Ongoing – foi sempre visto como mais um episódio da contenda. Agora, o fim do programa da Manuela é o fim desta guerra. A haver um vencedor, ele é Sócrates, pois conseguiu fazer sair de cena os seus inimigos. No entanto, é uma vitória de Pirro. A forte perda de votos que se anuncia para o PS não foi causada pela imprensa, e a morte destes inimigos não garante nem a vitória, nem sequer a sobrevivência de Sócrates. É sempre assim: as guerras estúpidas costumam acabar com a morte de todos os protagonistas.

mateus disse...

Não sou defensor nem simpatizante do Hitler, mas, comparar aquele com o actual presidente da Câmara é dar-lhe muita importância.
O actual presidente é um jogador por intuição umas acerta outras não
De facto, nunca lhe foi feita qualquer oposição, tem "governado", melhor dizendo cumpre caledário politico, usa este para se poder sustentar, considero-o um pobre diado. Depois das eleições ficarei mas tranquilo.
Este individuo usa como estratégia para a sua manutenção a intriga, o diz que disse mas não disse,não ameaça directamente, fá-lo de maneira discreta, sem qualquer descaramento é rancoroso e vingativo e disfarça a hipocresia com um sorriso, jogador da intriga.
Sem idéias próprias, como uma luz fundida.
Anula quem quer trabalhar, quem quer fazer algo na vida com valor, impede o desenvolvimento natural e harmonioso da natureza.
Frequentando um curso agricola, contra vontade, dá mais importância ao cimento, não importa onde vai ser instalado,interessa é que se faça, em conluío com os da corda.
Despreza e odeia quem quer subir na vida de forma honesta, impedindo e dificultando quem tem objectivos.
Na verdade, conheço os locais por onde "trabalhou", nunca fez nada na vida pois não sabia fazer, pelo que se dedicou à politica, mesmo assim foi e é um fracasso.
Não posso concordar que se ajude a inactividade, o que fez, ou melhor, mandou fazer, durante o periodo de governação,não fez com que Olhão criasse mais valia para o futuro.
Para mim Olhão deixou de ser a cidade cubista, passou a ser a cidade "pombalista".
J.Mateus.

Anónimo disse...

se olhão fosse uma cidade pombalista estavamos nós bem porque as cidades de pombal eram bem ordenadas e construidas,já em olhão cada um constroi o pombal ou galinheiro que quer,o melhor exemplo disso é as construções do marina vilage e do hotel real marina que nada tem a ver com a arquitectura local e ultrapassam os indices de construção previstos pela lei e pelo PDM.
outro galinheiro é o que a casasi está a fazer a norte do parque de estacionamento do levante.pois nada nos diz,pois a ria nem sequer tem ondas daquelas que eles querem imitar nas fachadas.mau gosto e descaracterização de uma das poucas zonas que não estavam adulteradas.
mas desde que o bicho carpinteiro dê a bença~tudo se constroi nessa cidade.

Anónimo disse...

http://rd3.videos.sapo.pt/play?file=http://rd3.videos.sapo.pt/wtIr5v1Gh1ZSRp4HzJgp/mov/1" type="application/x-shockwave-flash" width="410" height="358" allowFullScreen="true"

Marreco disse...

Quanto à Manuela M Guedes (de quem nunca gostei):
1.Verifico que há por aí muito "democrata" que não leva a mal que uma administração acabe com um programa informativo (o que é pena, já que os princípios devem estar acima das conveniências)desde que tal lhes sirva;
2.A MMG nunca foi desmentida. Apresentou factos constantes do processo;
3.Se não fosse a TVI o caso tinha passado desapercebido (o que teria sido uma pena).

Orlando disse...

Olá a todos por vezes leio este como outros blogues onde vejo que as pessoas estão descontentes como eu, que se sentem enganadas com tanta "falta de vergonha" que se vê na nossa politica pois já nem se dão ao trabalho de esconder as trapaças que fazem. Num entanto muitas vezes estamos descontentes e não fazemos mais nada senão nos queixar e lamentar do que vemos.
Aderi há pouco a um projecto que acredito ter validade e pelo menos vejo vontade das pessoas lá dentro de realmente mudar Portugal. Ainda é um projecto que está no começo mas tem que se começar por algum lugar. Ao participar neste projecto sinto que estou a contribuir ou pelo menos a lutar e a tentar mudar tudo aquilo que não concordo no meu pais.
Vejam por favor o site http://www.mudarportugal.pt/ façam depois as vossas avaliações.
Lembrem-se que os outros que lá estão já tiveram muitas oportunidades se dermos oportunidade a estes novos partidos não só mostramos o nosso descontentamento com os principais partidos, damos oportunidade a outros de mostrarem se realmente são diferentes e uma opção a ter em conta e tiramos poder aqueles que nos enganam há muito.