sexta-feira, 25 de julho de 2014

OLHÃO: CÂMARA CONTINUA A SAGA DA DISTRIBUIÇÃO DE PELOURINHOS

Um bufo chamado Pina, um amigo que nutre um certo ódio de estimação pela minha pessoa, deu-me desta vez mais uma informação, deveras interessante.
Todo o departamento de urbanismo está cheio de pelourinhos, amontoando-se chefes e mais chefes e altos quadros, que ninguém quer ficar fora da carroça, apesar de cada vez haver menos obras.
Mandaria o bom senso, que há medida que fossem vagando uns lugares deveriam ser extintos, isto para evitar os indesejáveis despedimentos futuros. Na Câmara Municipal de Olhão tudo funciona ao contrario, obedecendo á lógica de que o que precisamos, é assaltar os parcos rendimentos do Povo e se possível esmagá-lo.
Depois de admitir mais uma arquitecta, coitada desempregada porque a Parque Escolar fechou portas sob a direcção do actual vereador Luís Viegas, e que fez parte da candidatura laranja acompanhando Eduardo Cruz. Ainda que não tenha nada de pessoal contra a pessoa em causa, certo é que entendo isto como uma inaceitável troca de favores entre Eduardo Cruz e António Pina, depois do primeiro ter escolhido o cunhado do segundo para director financeiro da Ambiolhão.
Mas não se ficam por aqui as novidades no departamento de urbanismo, no qual foi aberto uma vaga para chefe de divisão de obras. E imaginem os nossos leitores quem é a potencial candidata a ganhar o tacho. Nada menos que... Ditza Reis, a arquitecta que um juiz tomou a decisão de mandar extrair certidão de um processo para apurar de eventual pratica de crimes de corrupção e abuso de poder. Também aqui mandaria o bom senso que a autarquia confrontada com tal decisão abrisse o procedimento disciplinar para apuramento de eventuais irregularidades que pusessem em causa a sua continuidade ao serviço da autarquia. Informada a Câmara Municipal e o seu presidente, nada foi feito para alem desta candidatura com sabor a prémio.
E mais uma vez, não tendo nada pessoal contra a pessoa em causa, mas sim contra os procedimentos de uma autarquia avessa à transparencia, que premeia os indícios de corrupção em lugar de tentar acabar com eles. Mas também sabemos que a troca de favores no capitulo do urbanismo é para continuar, como para continuar é o combate a uns certos F. d P. que entendem ser mais fácil roubar-me em taxas e impostos do que cortar nas gordurinhas eleitorais e não só.
António Pina e Eduardo Cruz, personalidades que representam o PS e PSD, de mãos dadas no assalto aos rendimentos do Povo para manter o seu status e vaidades, Que grandes CAGÕES me saíram.
REVOLTEM-SE, PORRA!

2 comentários:

LABSÃO disse...

DINHEIRO PARA OS TACHOS DOS AMIGOS ROSAS OU LARANJAS NÃO FALTA,COMO NÃO FALTA DINHEIRO PATA O TONY DAS CARRERAS, FALTA É DINHEIRO PARA PAGAR QUEM TRABALHA A SÉRIO NA ROUBIOLHÃO.

Anónimo disse...

https://fbcdn-sphotos-c-a.akamaihd.net/hphotos-ak-xaf1/t31.0-8/1781203_10202192869052734_6034972https://fbcdn-sphotos-c-a.akamaihd.net/hphotos-ak-xaf1/t31.0-8/1781203_10202192869052734_6034972157950507298_o.jpg157950507298_o.jpg