quinta-feira, 23 de outubro de 2014

Pescadores da Praia de Faro preparam-se para lutar contra as demolições das suas Casas!


Demolições na ilha de Faro geram contestação

Publicado a 13 OUT 14 às 07:19

Os moradores das casas consideradas ilegais não querem aceitar a decisão da Polis Ria Formosa.
Há cerca de duas semanas, os proprietários das casas consideradas ilegais na Ilha de Faro começaram a receber cartas da Polis Ria Formosa.
Polis Litoral Ria Formosa
Demolições na ilha de Faro geram contestação
Nessas cartas, é-lhes dado um prazo até 28 de novembro para retirarem os seus bens e até dia 2 de dezembro para entregarem as chaves na Sociedade Polis.
Os moradores tinham 15 dias para contestar por escrito. O prazo de contestação, para alguns casos, termina esta segunda feira.
Nesses incluem-se alguns pescadores, que deviam ter ficado fora das demolições. A reportagem da TSF foi ouvir pessoas que contestaram a decisão, que sempre fizeram vida naquela ilha e que não estão dispostas a deixar as casas.
Noticia retirada da página on line  da TSF
Nota do Olhão Livre:Às casas dos ilustres o Polis deixam-as de pé,  mas memso ao lado as casas dos pescadores o Polis pretende-as demolir e afastá-los dos eu local de trabalho e de nascimento para muitos.
 
É isto um estado de direito? Quando casas quase em par e par, e cima do mesmo cordão dunar, umas ficarem de pé e outras serem domolidas?
Como Podemos ouvir na reportagem da TSF os pescadores  da Praia de Faro, preparam-se para contestar nos tribunáis, mas também se estão a mobilizar para resistir à demolição.
Onde andam agora os partidos traidores,  que me vesperas de elições são sempre amigos dos pescadores,só  para lhe caçarem o voto?


3 comentários:

Anónimo disse...

Pelo bem comum da causa pública, tudo - agora, sempre.
Contra a MAFIA que,dominando o Estado,subjuga toda uma nação, nada - resistir agora e sempre.
Bandido por bandido, volta Salazar porque foste muito muito mais justo e honesto.

Anónimo disse...

Venho aqui contar o que vi escrito esta manhã na travessa do cimento,alguem teve a coragem de afichar o que está a vista de todos que lá passam a pé" Travessa da merda dos cães " nada tenho contra os animais, mas os donos são os responsáveis por aquela miséria em que se encontra toda aquela zona, não basta o mau cheiro a urina e ter que fazer atenção para não sujar os sapatos. Será que, quem está na Camara, não vê estas situações e criar uma portaria e atacar este flagelo, com coimas severas, se nada for feito, a nossa Terra, nunca deixará de ser a terra mais suja e porca do sul do nosso Pais, como tem a fama de ser.
Mas esta situação, é por todo o lado, aonde vivo, nesta urbanização nova aqui ao fundo do bairro dos pescadores, é so ve-los passar com os lindos animais, pelas calçadas e espaços verdes, mas ninguém apanha os dejetos,certamente na casa deles fazem o mesmo, que falta de civismo e ninguém pode dizer nada

Salsa disse...

Esta situação é um exemplo de em vez de se defender o Algarve, se defende os interesses de alguns, como se tem feito desde o aparecimento do turismo nos anos sessenta.