segunda-feira, 3 de novembro de 2014

OLHÃO: GATUNOS, VÃO ROUBAR PRÁ ESTRADA!

A imagem acima, reporta as facturas de agua do mês passado e do actual, de um determinado consumidor, o mesmo, e pela comparação delas, pode ver-se no que dá a "competência" do cunhado do Pina na gestão da Ambiolhão.
Começamos pelo numero de meses da factura de baixo, o primeiro erro, ao dizer que a factura é de dois meses e uma vez que não poder do passado, deve ser do futuro!
Na listagem do roubo, também na factura de baixo, pode ver-se que a leitura regista o consumo de três metros, que são debitados mas dos quais, um é deduzido, talvez para acrescer à próxima factura e provocar uma mudança de escalão, levando o consumidor a pagar mais do que devia.
Ainda na factura de baixo, reparem bem e confiram em casa, é criada mais uma nova taxa a TAXA DE GESTÃO DE RESÍDUOS. Mais um roubo a acrescentar a todo o outro que é esta facturação.
Nesta taxa  de gestão de resíduos não há qualquer dedução, ou seja, na próxima factura, com o acréscimo da dedução feita na leitura deste mês, vai aparecer a mais, a facturação desta taxa.
Comparando as duas facturas, pode verificar-se que o habitual prazo de pagamento que era o dia 29 de cada mês, passa agora para o dia 17. Os consumidores que criaram o habito de pagar a 29, na maioria dos casos, vai ser apanhado de calças nas mãos e deixar passar o prazo, o que vai dar origem a novo roubo se forem um pouco rigorosos com a circular que fizeram chegar.
É que nessa circular se anunciava uma "multa" para os retardatarios de cinco euros, se acaso não pagassem dentro do prazo limite.
Com tanto gamanço às algibeiras do consumidor, é caso para os mandar roubar para a estrada.
A Câmara Municipal de Olhão é o accionista único da empresa Ambiolhão, e no órgão com o mesmo nome, a oposição detém a maioria, mas parece que estes assaltos ao consumidor passam um pouco ao lado da vereação, que prometeu mais transparencia na gestão não só da autarquia mas também do sector empresarial.
Os factos agora denunciados mostram a forma cúmplice como a oposição e o Poder se comportam em relação aos munícipes,
Rua com a Oposição e o Poder, porque estão contra o Povo.
REVOLTEM-SE, PORRA!

3 comentários:

Anónimo disse...


Perante este cenário,só conheço um adjetivo para o qualificar-ROUBO-

Anónimo disse...

Perante este cenário,só encontro um adjetivo para qualificar este caso.
Ladrões. Um consumidor de água.

Fabio Vieira disse...

Acho que sim REVOLTEM-SE. Não deixem passar em branco estas vigarice palavras não levam a lado nenhum logo os actos já podem ter graves consequências. Que bela merda de presidente tem agora a Cidade de Olhão esses gatunos tão a precisar e de uma lição a sério. Que ladroagem