terça-feira, 14 de janeiro de 2014

OLHÃO: ASSALTO A ALGUNS MUNICÍPES

A Câmara Municipal de Olhão não trata todos os munícipes de igual forma, algo que não nos espanta mas que revolta.
Na imagem acima, damos conta de uma situação caricata e que pese embora o facto de indirectamente denunciar a vitima por se tratar da única frutaria a cumprir regas, não podemos ocultar tudo. De qualquer forma a pessoa em causa, não está a cometer qualquer crime nem sequer sabe que estamos na posse de uma copia de um documento seu, sendo que nós estamos a aproveitar para denunciar a forma como a autarquia trata o Povo.
Como se pode ver, a frutaria paga pela ocupação de 3m2 de espaço publico, mais de 1.000 euros anuais. Sabemos que a Câmara Municipal de Olhão cobrou de taxas de ocupação de espaços públicos, durante o ano de 2013, 28.000 euros, ou seja acaba por ser um dos muitos poucos munícipes assaltados pela Câmara Municipal de Olhão.
O concelho tem cerca de 280 locais com o espaço publico ocupado, sendo que só na Avenida 5 de Outubro, são mais de 500m2. Como perceber então, que a Câmara Municipal apenas tenha recebido 28.000 euros num ano? Terá sido por se tratar de um ano de eleições?
Ao preço que a Câmara Municipal cobra a ocupação do espaço publico, bem se pode dizer que a autarquia, por razões meramente eleitoralistas, deixou de cobrar cerca de um milhão de euros, não se podendo agora queixar da falta de dinheiro, que só não tem porque não cobrou o que estava por cobrar.
No inicio do ano passado, alguns comerciantes fizeram questão de pagar, mas logo em Março, a Câmara punha a circular a informação de durante o resto do ano estariam isentos, não tendo devolvido o dinheiro cobrado a mais.
Para alem do eleitoralismo patenteado com a dita isenção e sempre condenável, achamos também absurdo uma tabela de taxas com estes valores, porque está bom de ver que os pequenos negócios mal dão para pagar as rendas, quanto mais para pagamentos exorbitantes a roçarem o assalto.
Cada Povo tem a governação que merece, costuma dizer-se, mas o Povo de Olhão já mostrou que não precisa destes montes de lixo politico, que mais não sabem do que promover autênticos sindicatos de apoios à custa dos otarios, roubando-lhes o direito a uma vida decente.
REVOLTEM-SE, PORRA!

14 comentários:

Anónimo disse...

Será que a CMO também cobra aos ciganos que montam as bancas na rua?Ao pé do Algartalhos estão sempre uns que ocupam perto desses 3m2 mas também o passeio ficando cerca de 50 cm para as pessoas passarem.Se calhar são daqueles que estão isentos...

Toine das Canecas disse...

O dono do Restaurante Horta,que também é dono do Restaurante o Tamboril, quanto é que paga?
Pois só esses dois ocupam ,mais de 60 metros quadradosem esplanadas.
Ou como vão ali mamar todos os dias e lá deixar o cão, não paga nada?
Não é esse Horta também que é dono do Restaurante do Jardim onde se faz o festival do Marisco e que só abre para o Festival e é o unico a vneder Frango assadop coisa que é proibida a Todosos outros.
Esse Horta deve dar de mamar e de beber de modo que não deve pagar.pois se esses estabelicemnto com 3 m2 paga 1ooo€ esses Horta com 60 m2 devia pagar 20 vezes mais ou seja 20 000€,não contando com o restaurante do jardim? A oposição deve fazer essa pergunta e ver,se há ou não igualdade de direitos aos cidadãos em Olhão.

Anónimo disse...

28 000€ de receita de ocupação de espaço publico, e só esse estabelecimento paga 1000 e tal euritos?
Onde pára o resto da massa? pois 280 ocuaçoões de espaços publicoa dá bem mais de 1 milhão de €.
Durante anos e anos roubaram à grande e à francesa por isso o PS sempre gastou fortunas nas campanhas eleitorias. está assim tudo explicado.

Anónimo disse...

Já tendo sido funcionário do Restaurante O Horta, tenho conhecimento de que tem as licenças de esplanada e toldos em dia.
Quanto ao Frango Assado, Sopas e diversas pratos regionais sei que é o único no festival do marisco que tem as devidas condições de higiene e infraestrutura para o fazer, ao contrário de muitos que vão vender marisco congelado por fresco e camarão fora de data para o Festival. Assim que sabem que ASAE está no Festival, ligam logo todos uns para os outros para arranjarem a banca para não haver multas, pois todos tem a porta atrás e é só sair e por o marisco ou no lixo, ou na bagageira do carro.
Sobre o assunto das licenças, honestamente, acho uma grande roubalheira, e nem todos os estabelecimentos em Olhão pagam as respetivas licenças, pois as leis são para todos ou só para alguns????
infelizmente nem toda a gente tem cunhas na CMO para não pagar.
A CMO devia de baixar o preço das licenças e cobrar a TODOS!!!!!!!

Anónimo disse...

há anos que o PS faz esse tipo de coisas,3em oLHÃO, quem é amigo do regime não paga, queM não é AMIGOMOU LAMBE BOTAS, paga e cada vez mais.

Anónimo disse...

Acreditando que o dono do Horta paga,e como só a esplanda do Horta tem mais de 40m2.já não falando da esplanada do Tamboril e do restarante que só abre no festival do marisco,os m2 que o Horta paga são tantos que assim sendo mais ninguém paga em esplandas em Olhão se só na avenida 5 de Outubro há mais de 500 m2 onde pára a massa?Será que alguém lhe dá o sumiço, ou vai para o saco rosa do PSem Olhão?

Anónimo disse...

esse estabelecimento SITO na rua de olivença (bairro da cavalinha) SERA QUE SÓ OCUPA OS 3M2 HA QUEM PAGA MAIS POR MENOS OCUPAÇÃO ANUALMENTO ESSE MESMO ESTABELECIMENTO QUANTOS ANOS ESTEVE SEM PAGAR O MESMO ESPAÇO.

Anónimo disse...

HÁ MAIS PESSOAS A PAGAR AS RESPECTIVAS LICENÇAS DAS ESPLANADAS MAS O QUE É CERTO É QUE NÃO SÃO TODOS , COMO DEVERIA SER PORQUE SE É PARA UM É PARA TODOS.!!! ENTÃO AQUELES QUE VENDEM MARISCO Á PORTA DOS ALGARTALHOS DEVEM PAGAR; OS QUE VENDEM PEIXE NO BANCO QUE ESTÁ AO PÉ DO QUIOSQUE APOLO DEVIAM PAGAR ;OS CIGANOS QUE VENDEM NO JARDIM PESCADOR OLHANENSE DEVIAM PAGAR, AO QUE PARECE É QUE PAGAM UNS PELOS OUTROS!!! EM RELAÇÃO AO RESTAURANTE O TAMBORIL ESSE ESTABLECIMENTO ESTÁ ENCERRADO PARA QUEM NÃO SABE!!!! NÃO PERCEBO A PERSEGUIÇÃO QUE É FEITA AO RESTAURANTE O HORTA QUANDO EXISTEM NA MESMA AVENIDA MAIS RESTAURANTES COM ESPLANADAS , AGORA PERGUNTO EU TODOS OS RESTAURANTES NA AVENIDA 5 DE OUTUBRO ESTÃO A PAGAR AS LICENÇAS COMO PAGA O RESTAURANTE O HORTA???
CONSIDERO AS LICENÇAS UMA VERGONHA E DEVERIAM SER ADAPTADAS DE FORMA AQ QUE TODOS PODESSEM PAGAR MAS ESTÁ VISTO QUE AQUI EM OLHÃO UNS SÃO FILHOS OUTROS ENTEADOS!!!

Anónimo disse...

gostava de saber se o horta paga a renda do restaurante que só abre no festival do marisco para vender frango assado,coisa que ninguém pode vender a não ser o horta.
o Tamboril não está aberto mas tem toldo e esplanada por isso deve pagar,como paga a mulher da fruta.já agora a Gelvi pagou tudo o que devia?É que devia mesmo muito;ou uns pagam e outros são perdoaodos?

António Manuel - Tómanel disse...

Navegando por entre atalhos, cheguei aqui ao seu blog, para lhe dizer que isso por aí está pior do que Faro.
Um abraço cá do Algarve
http://umraiodeluzefezseluz.blogspot.com

Anónimo disse...

Como é que um restaurante que está encerrado têm de pagar licença? Eu estou a ver que o restaurante o horta faz muita dor de cotovelo a muita gente. , será por ser o restaurante que mais trabalha em Olhão? Ou pura inveja das pessoas! Já aqui foi dito que o restaurante o horta faz frango assado porque têm condições para isso! Ao menos não vende marisco congelado por fresco , nem fora do prazo!

Anónimo disse...

Provavelmente alguém precisa de óculos porque o Restaurante Tamboril está encerrado, não tem toldo nem tem esplanada e o avanço que a varanda tem serve para parque de estacionamento de motos pois ficam com o assento à sombra.
Paga um aluguer a CM pelo restaurante do jardim. e volto a mencionar que é o único dentro do recinto com condições de higiene e infraestrutura capaz de fazer sopas, bifanas, assar frangos e pratos regionais.
Acho que as pessoas estão mais preocupadas se o dono do Restaurante o Horta paga as respetivas licenças do que a frutaria que é na rua 18 de Junho, ao pé da ourivesaria Olhanense pagar 1000€ e não tem 3 m de expositor, a não ser que contemos com o chapéu de sol que o respetivo poe no passeio derivado ao sol ficar mesmo de frente.
Preocupem-se sim em fazer frente a esta monstruosidade e em ir cobrar as dezenas de estabelecimentos em Olhão que não pagam 1 chavo.
É incompreensível que só falem aqui do Horta, e não da Pastelaria Glu-Glu que ocupa 5 lugares de estacionamento e respetivo passeio, quase todos os restaurantes da avenida 5 de outubro, da esplanada que fica atrás da polícia que pertence á kubidoce , e por ai andado, tínhamos pano para mangas.
Como já disse anteriormente, deviam baixar o preço e cobrar a TODOS!!!!!
Que a CMO crie uma equipa fiável, sem interferência de certos vereadores e empregados, para este dossiê e que sejamos justos, corretos e honestos.

Anónimo disse...

Afinal o que sabe é que existem funcionários camarários sem qualificações que entraram para as respectivas funções como cantoneiras e cantoneiros nós temos a vergonha na cidade de Olhão derivado a isto porque no fim é um jogo de comadres e compadres. Tenho pena de viver numa cidade corrupta . No fim tudo continua saiu o presidente e ficou o aprendiz quando será que o pesadelo na cidade de Olhão vai acabar??

Anónimo disse...

Quanto ao Frango Assado, Sopas e diversas pratos regionais sei que é o único no festival do marisco que tem as devidas condições de higiene e infraestrutura para o fazer, ao contrário de muitos que vão vender marisco congelado por fresco e camarão fora de data para o Festival. Assim que sabem que ASAE está no Festival, ligam logo todos uns para os outros para arranjarem a banca para não haver multas, pois todos tem a porta atrás e é só sair e por o marisco ou no lixo, ou na bagageira do carro.
Sobre o assunto das licenças, honestamente, acho uma grande roubalheira, e nem todos os estabelecimentos em Olhão pagam as respetivas licenças, pois as leis são para todos ou só para alguns????