sábado, 11 de junho de 2016

OLHÃO: PORTO DE RECREIO, UM LOTEAMENTO ESCURO!

O Loteamento do Porto de Recreio de Olhão conheceu a sua primeira versão em 2007, mas quando foi aprovado, já a Câmara Municipal de Olhão havia alienado o terreno para o Hotel correspondente ao Lote 1.
Alienação essa, que mereceu da nossa parte logo que tivemos acesso aos documentos que reproduzimos e o texto que pode ser lido clicando no link http://olhaolivre.blogspot.pt/2011/04/ha-ou-nao-corrupcao-na-cm-de-olhao.html. Leiam porque é muito interessante.
Ainda que a decisão daquela alienação tivesse sido tomada em 2002, a escura da hasta publica só ocorreu em 27/11/2003 e o seu pagamento concluído em 2009. Mas ainda antes do pagamento, já a Câmara Municipal de Olhão autorizava a construção do hotel por despacho de 20/12/2007. Tudo limpinho, limpinho! Com o Pina em vereador!
Para alem de outras questões, e porque o canalha em presidente de câmara tenta fazer dos outros parvos, devemos perguntar como é que a Câmara envolve num loteamento, um terreno que já não lhe pertence, senão com interesses ocultos?
A área do lote do hotel são dez mil metros quadrados de frente de mar, vendidos ao preço da uva mijona, com todos os indícios de corrupção, mas uma área que se fosse retirada do loteamento agora aprovado, baixaria de forma significativa a volumetria do que se pretende levar adiante. Mas há que garantir os ganhos dos donos disto tudo, autarcas e patos bravos.
E só assim se explica que o catraio em presidente ignore todas as regras para a valorização dos activos que tinha por obrigação defender. Qualquer cidadão, e ainda mais os patos bravos a que está ligado, sabem a importância da publicitação, do marketing quando se quer valorizar o património.
A Câmara Municipal de Olhão, e em particular o seu presidente, se defendessem os interesses do Povo de Olhão e os do Município, já teria mandado instalar um out door com a intenção de alienar para que surgissem mais interessados. Não o fazer, esconder em lugar de divulgar, é o mesmo que estar a dizer que está a fazer um fato por encomenda. E que encomenda!
Claro que o património dos olhanenses não é dele e portanto, tanto faz, desde que daí resultem alguns ganhos pessoais, nem que sejam eleitorais.
Porque não somos de qualidade de ficar de braços cruzados, pode o Pina ficar ciente de que este Loteamento ainda vai dar muita agua pela barba, embora nos últimos dias, tivesse recebido a preciosa ajuda do Ministério Publico. Mas nem isso o vai salvar. Ganhou uma batalha, mas a vitória nesta guerra será nossa!
NÃO PACTUEM COM A CORRUPÇÃO!
REVOLTEM-SE, PORRA!


4 comentários:

Anónimo disse...

13.13. olhao livre já vai sabendo e divulgando alguma coisa sobre a materia.

Anónimo disse...

com o que se diz aqui até o governo mais fascista do mundo estava a investigar e aqui
porque não acontece?

Anónimo disse...

Ás vezes o segredo é a alma de certos negócios. Ou neste caso de muitas situações que não devemos expor! Amigo Terra temos que ter cuidado!!

Marcio Carrilho disse...

O Olhão livre sabe o que acha necessário para ser divulgado. O Olhão Livre consegue assustar muita gente! Mesmo o "gaiato" que está à frente da câmara de Olhão. E temos que ter consciência que, existe muito por fazer em Olhão! Actualmente a nossa cidade está a ser despojada da sua identidade e história, a cidade e concelho precisa de muito mais, precisa de alguém que se debata pelo seu património e pelo legado das gentes Olhanenses de outrora.

Revoltem-se! Lutem! Mudem o vosso futuro!